terça-feira, 13 de abril de 2010

O Testemunho do Cristão




Jo 15:26-27 e At 1:8

A palavra “Testemunho” é de uso corrente nos tribunais, onde designa a declaração que uma testemunha presta a autoridades a fim de esclarecer fatos do seu conhecimento.

Só é possível testemunhar a cerca de alguém quem já conhece e vivenciou certa situação com esta pessoa, ou seja, só pode testemunhar do amor de Cristo quem o conhece e já vivenciou (e vivencia) o seu amor, do contrario, esse testemunho seria falso ou sem muita riqueza de detalhes.

Pare pra pensar como anda seu testemunho! As pessoas que convivem com você sabem que você é cristão? E se sabem é porque você contou ou elas viram isso em você? Você evangeliza alguém? E quando evangeliza você vê necessidade de usar palavras? Você é a mesma pessoa em todos os lugares que você freqüenta ou vê necessidade de se esconder atrás de mascaras?

A esse respeito, devemos lembrar do que disse o apóstolo Tiago: “Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma. Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras”. (Tg 2:17-18). Não podemos desprezar o testemunho através daquilo que dizemos. As palavras, no entanto, precisam ser confirmadas pelo modo como agimos.

O cristão precisa de testemunho, mas este testemunho precisa ser um testemunho real, pois é o testemunho que vai convencer as pessoas de que JESUS pode mudar a situação em que elas se encontram, pois está nítido em nós o que ELE fez em nossas vidas. Mas, pra isso, pra que o nosso testemunho seja um testemunho autêntico, é preciso uma coisa, estar com Cristo (Jo 15:27).

Mas, o que é preciso para estar com Cristo? Em Jo 14:21 JESUS diz que se manifestará a todo aquele que guardar os seus mandamentos. E quais são afinal esses mandamentos? São dois os mandamentos que JESUS deixou, um deles é muito conhecido de todos, o Ide, e está em Mc 16:15, e o outro está em Jo 13:34 que diz: “Novo mandamento vos dou: Amai-vos uns aos outros como eu vos amei a vós, assim também deveis amar uns aos outros.” Mas porque JESUS diz nesse versículo “Novo mandamento vos dou” se, em Lv 19:18 DEUS fala que nós devemos amar o nosso próximo como a nós mesmo? A diferença está na referência, em Levíticos DEUS fala “... como a ti mesmo” e no evangelho de João JESUS fala “... como EU vos amei a vós”.

Foi necessário que JESUS mudasse o objeto de comparação já que o homem havia perdido o amor próprio, e sem esse amor próprio era impossível amar a DEUS, quanto menos ao próximo. O que você tem faz parte de você. Você tem valorizado o que você tem? Você tem se valorizado? Tem valorizado sua família? Amigos? O seu trabalho? Sua escola? Sua igreja? Seu DEUS?

No mundo existem pessoas que gostariam de ter um pai ou uma mãe, mesmo que fosse só para repreender seus erros. Existem pessoas que gostariam de ter um emprego, mesmo que fosse informal e com um salário baixo, mas que desse pra colocar o pão todos os dias na mesa de seus filhos. Existem pessoas no mundo que buscam em várias coisas preencher um vazio dentro de si porque pessoas como eu e você não mostramos pra elas que só JESUS é quem pode preencher esse vazio. Mas, sem amor é impossível nos achegarmos a essas pessoas, e sem testemunho é impossível convence-las de que JESUS é tudo o que elas precisam. Não existe uma forma de desvincular amor de testemunho, pois o amor é reflexo de um testemunho real.

Muitas das vezes nós sentimos vergonha de DEUS, no nosso trabalho, escola, na nossa casa, no nosso circulo social, até mesmo na própria igreja quando na verdade era para DEUS se envergonhar de nós, mas ELE, ao contrario de nós, apesar de toda a nossa insignificância, nos chama de filhos. Eu paro para imaginar o quanto o inimigo deve zombar de DEUS quando um de nós, cristãos, tropeça, mas DEUS, com os olhos brilhando e um sorriso no rosto, perante toda a terra, seus anjos e até mesmo o próprio inimigo diz: “Esse é Meu filho que Eu amo com todo o Meu amor ”.

Qual tem sido o seu testemunho? Acerca de quê você tem testemunhado?

Pense nisso!

E que DEUS abençoe a todos!
Tiago Genelhu

5 comentários:

  1. Samara, a própria!13 de abril de 2010 20:39

    Tiagueteeeeee!

    Benção de Deus!
    Que sabedoria!
    Vamos acordar moçada... é isso aí!

    ResponderExcluir
  2. Esse é meu rimão...Num sei como ainda consegue estar solteiro...hihihihihih
    ótima reflexão....Testemunho deve ser estilo de vida, não uma capa que vestimos pra sair de casa...Fik a dica!!!!

    beijoooooooos

    ResponderExcluir
  3. Que o amor de Deus seja amplamente divulgado através do blog de vcs , a partir de agora estarei sendo uma seguidora desse blog e tenho certeza que juntos vamos ajudar na evangelização de todos os povos...Esse é o "ide" de Jesus!
    Adorei a postagem acerca do testemunho, que nossos jovens reflitam e se edifiquem através dessa mensagem.

    grande abraço,

    Nele,
    que nos deu seu filho unigênito para que todo aquele q nele crer nao pereça, mas tenha a vida eterna...

    ResponderExcluir
  4. Parabens pelo blog..


    Que ele cresca e divulgue a mensagem de Deus..

    Continuem assm..


    Bjuus!

    ResponderExcluir
  5. Cleunice Teixeira22 de abril de 2010 20:17

    Testemunhar............ dificil né?
    Testemunhar - falar de algo que viu ou ouviu.
    Belo texto, Tiago.
    É preciso que estejamos vivendo uma vida de intimidade com o Senhor para sermos suas testemunhas.
    Como poder falar de algo que não ouvimos, vimos ou vivemos?
    Só poderemos ser testemunhas do Senhor a partir do momento em que começarmos a estudar a biblia, ouvir a sua palavra nos cultos e termos um relacinamento intimo com Ele.
    Só seremos boas testemunhas quando as pessoas passarem a ver em nós uma transformação radical em nossa vida e isso quer dizer, qd passarmos a viver uma vida de santidade. Há pessoas que dão mal testemunhos por não conhecerem a Deus. Como vc se classifica?
    O que vc tem testemunhado para o mundo?
    Como o mundo tem visto vc?
    Vigie.

    ResponderExcluir